'Não sinto falta de estar na TV', diz Jô Soares

Patrocínio

'Não sinto falta de estar na TV', diz Jô Soares

Jô Soares e Fábio Porchat
Jô Soares participou do “Programa do Porchat”, na Record, na noite de segunda-feira (16), e revelou que não tem vontade de voltar à TV. Afastado da telinha desde dezembro de 2016, o apresentador contou que foi sua a decisão de parar. “Não sinto falta de estar na TV. Se eu quisesse, eu teria continuado. Foram 15 mil entrevistas”, disse ele.
Durante o bate-papo com Fábio Porchat, o apresentador também relembrou a época em que foi para o SBT e disse que não foi a proposta financeira que o seduziu. “Não fui por dinheiro, fui para fazer o programa da minha vida e que tivesse a ver comigo. Não saí infeliz da Globo, mas queria fazer um programa de entrevistas. E o Silvio Santos é uma pessoa maluca. Ele me ligou e me chamou para conversar. Topei“, contou ele, que ficou na emissora entre 1988 e 1999, comandando o “Jô Soares Onze e Meia”.
Jô Soares também falou sobre a liberdade de se fazer humor hoje em dia e afirmou que “o politicamente correto é uma bobagem”. “Um dia será isso; amanhã, será outra coisa”, disse o humorista, que voltará aos palcos do teatro em breve no espetáculo “A Noite de 16 de Janeiro”, com estreia marcada para 5 de maio, em São Paulo. “Não subo no palco ao lado de outros atores há 30 anos. Tem um elenco de 15 pessoas. Eu estou lá pra fazer parte daquela trupe. Meu papel é muito pequeno, quase não existe”, contou ele.


Postar um comentário

0 Comentários