Justiça veta pedido de Roger Waters para visitar Lula na prisão

Patrocínio

Justiça veta pedido de Roger Waters para visitar Lula na prisão

Roger Waters em show na capital gaúcha
O pedido de Roger Waters, ex-baixista do Pink Floyd, para visitar o ex-presidente na prisão foi indeferido pela Justiça Federal. A magistrada Carolina Lebbos, da 12ª Vara Federal de Curitiba, não concordou que o músico britânico compareça à carceragem da Polícia Federal no final de semana — ele estará na capital paranaense para fazer um show no sábado (27) e sairá no domingo (28). As informações são da Folha de S. Paulo.
De acordo com Lebbos, a visitação em ambiente carcerário "não se faz de forma improvisada, tampouco se submete exclusivamente à comodidade do executado e/ou visitante. Exige programação, fiscalização e controle, a fim de preservar-se a segurança e as atividades do local de custódia".
Lula está autorizado para receber amigos apenas nas quintas-feiras, e Lebbos não permitiu exceções. Além do show em Curitiba, Waters tocará no Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, no dia 30 de outubro, terça-feira.
Durante a sua passagem pelo Brasil, Waters fez duras críticas a Bolsonaro, homenageou a vereadora do PSOL assassinada Marielle Franco e realizou manifestações políticas pedindo para que seus fãs "resistam ao neofascismo".

Fonte Rádio Gaúcha 

Postar um comentário