“Bohemian Rhapsody” se torna a maior cinebiografia de música da história

Patrocínio

“Bohemian Rhapsody” se torna a maior cinebiografia de música da história

“Bohemian Rhapsody”
Apesar de ter recebido uma série de críticas mistas, “Bohemian Rhapsody”, o filme que conta a história da vida de Freddie Mercury, se tornou a maior cinebiografia musical de todos os tempos.
Desde o início, “Bohemian Rhapsody” foi alvo de uma série de controvérsias, desde a troca de diretor até a troca do ator principal, que daria vida ao lendário vocalista do Queen. Após o lançamento, muitos fãs do grupo inglês questionaram as alterações na linha do tempo do filme, que apresentou no Rock In Rio de 85 no final dos anos 70 e ainda mostrou o diagnóstico de HIV positivo do cantor em um momento equivocado, apenas para coincidir com o Live Aid.
Entretanto, as críticas negativas não resultaram em um fracasso de bilheteria; muito pelo contrário! De acordo com a Box Office Mojo, no Reino Unido o filme chegou ao #1 em sua semana de estreia e até o momento já faturou a cifra de 539 milhões de dólares em todo o mundo. Lembrando que a produção custou “apenas” 52 milhões de dólares! Esses números colocam “Bohemian Rhapsody” no topo, tanto no Reino Unido como no resto do mundo, quando se trata de cinebiografias musicais.
Anteriormente, esta marca pertencia a “Straight Outta Compton”, filme de 2015 que conta a história do grupo de rap americano N.W.A. e que arrecadou 201 milhões de dólares em todo o mundo. A lista de outras cinebiografias musicais famosas ainda inclui “Walk The Line” (Johnny & June) – que conta a história de Johnny Cash e June Carter – e “Ray” – que conta a história de Ray Charles; entretanto ambos os filmes não chegaram nem a marca de 200 milhões de dólares.
Em 2019, o segundo diretor de “Bohemian Rhapsody”, Dexter Fletcher, irá lançar mais uma cinebiografia musical. “Rocketman” contará a história de Elton John e será lançado no dia 31 de maio.

Fonte Rockline 

Postar um comentário

0 Comentários