Cidade do Samba tem barracões interditados pelo Ministério Público - Lully FM - La Profundidad 88.1

terça-feira, 11 de dezembro de 2018

Cidade do Samba tem barracões interditados pelo Ministério Público

Cidade do Samba 
Uma denúncia anônima levou os fiscais do Ministério do Trabalho ao barracão da Unidos da Tijuca, na Cidade do Samba, nesta terça-feira (11). Segundo integrantes da escola, nada irregular foi encontrado. A presença dos técnicos foi percebida por todos que estavam no local, e a informação se alastrou. E, ao se espalhar, deu-se como certa a visita a outras escolas com possíveis interdições. A redação do nosso portal recebeu cinco ligações de fontes idôneas dizendo que a operação teria começado na Unidos da Tijuca, mas que também alcançaria a São Clemente e Vila Isabel.
Na São Clemente, um importante talento da escola disse que, ao chegar para trabalhar, foi pedido que se retirasse para abrir espaço para fiscalização. Pelo visto, foi um mal entendido que somente muito mais tarde se esclareceu.
O diretor de Carnaval da Azul e Branco, Wilsinho Alves, desmentiu ao SRzd que teria ocorrido qualquer contato dos fiscais do Ministério do Trabalho com relação a sua escola e que o trabalho no barracão continua em estado de normalidade. O problema estaria circunscrito a Unidos da Tijuca.
Outra negativa de qualquer ação envolvendo outra escola veio da União da Ilha, Dudu Azevedo informou, que tudo seguia normal e que eles estavam, inclusive, com reunião dentro do barracão, com trabalho seguindo normalmente. Mesmo assim, nossa reportagem recebeu informações seguras, que, mais tarde, acabaram não se confirmando, de que a interdição seria ampla.
Em nota anteriormente publicada no site chegamos a relembrar fiscalização semelhante praticada pelo Ministério do Trabalho em novembro de 2017.

Informações do SRzd

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Curta nossa página no Facebook, Instagram e Twitter venha fazer parte da família Lully FM!