Bebe Rexha reclama de restrição do Youtube ao seu clipe e revela que tem versão proibidona - Lully FM - La Profundidad 88.1

sábado, 23 de fevereiro de 2019

Bebe Rexha reclama de restrição do Youtube ao seu clipe e revela que tem versão proibidona

Bebe Rexha
Bebe Rexha está pê da via. Ela estreou o clipe de “Last Hurrah”, mexendo com a iconografia cristã, na quinta (21/2) e descobriu que o Youtube restringiu o alcance do vídeo nesta sexta. “Meu vídeo foi sinalizado como ‘sensível’ no Youtube, então ele não pode aparecer entre os populares”, twittou, “se eu soubesse, teria lançado a versão explícita com as freiras fumando  maconha".

Assista:



Sempre combatente do machismo na indústria, a cantora acredita que essa é mais uma situação misógina. “Eu sou uma mulher vivendo sem pedir desculpas. Eu não vou ser moldada para me sentir mal por fazer ARTE. E, sim, arte para mim é minha bunda bonita para fora, meninos beijando meninos, garotas beijando garotas, cruzes no meu corpo. SE UM HOMEM RAPPER LANÇASSE ESSE CLIPE, ESTARIA TUDO BEM”, escreveu.
Por fim, Bebe Rexha ainda fez mais uma provocação ao Youtube. “Confie em mim. Eu aposto que as pessoas preferem ir a um site pornô para ter um orgasmo e ver meu clipe. Pelo menos teria o completo nu frontal no site pornô”, alfinetou.

Fonte Popline

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Curta nossa página no Facebook, Instagram e Twitter venha fazer parte da família Lully FM!