Dave Grohl: "se quiser enfrentar uma carreira, não pode fazer qualquer merda"
  • Dave Grohl: "se quiser enfrentar uma carreira, não pode fazer qualquer merda"

    Dave Grohl
    Foi durante uma entrevista a revista "Kerrang!" que o vocalista do Foo Fighters, Dave Grohl, revelou mais alguns segredinhos da rápida passagem musical de Kurt Cobain e sua banda Nirvana.
    Dave falou sobre a queda do grupo, no início de 1992, e também lembrou que as coisas pioraram depois da internação de Kurt Cobain - para tratar do seu vício em heroína.
    "Nós fizemos uma pausa e, nesse tempo, Kurt teve uma filha, e também os seus altos e baixos. Foi um caos!".
    Apesar da pausa, pouco depois, quando voltaram aos palcos entraram para a história como um dos shows mais marcantes da carreira
    "Eu me lembro de ter aparecido no Reading, em 1992, e de ter escutado tantos boatos de que a gente não ia tocar. Dentro de mim, eu também estava questionando se poderíamos tocar, mas eu sabia que íamos tentar".
    Em 1994, quando o Nirvana chegou ao fim e ele montou o Foo Fighters, começou a mudar seu conceito e comportamento em relação a vida e drogas. Dave contou que se tivesse entrado na onda de Kurt também não teria sobrevivido na música.
    "Antes do Nirvana se tornar tão popular, eu parei de usar drogas. Claro, eu tomo uma bebida de vez em quando, mas se você quiser enfrentar uma carreira, como eu fiz, não pode fazer qualquer merda sem sentido. É desafiador e você tem que manter a cabeça no lugar, porque tem muita coisa acontecendo ao seu redor o tempo todo".

    Curta nossa página no Facebook, Instagram e Twitter venha fazer parte da família Lully FM!

    Fonte Kboing 

    Nenhum comentário

    Curta nossa página no Facebook, Instagram e Twitter venha fazer parte da família Lully FM!

    Seguir por E-mail