Putin diz que Elton John 'está enganado' por criticar cortes de cenas gays de 'Rocketman' na Rússia - Lully FM - La Profundidad 88.1

domingo, 30 de junho de 2019

Putin diz que Elton John 'está enganado' por criticar cortes de cenas gays de 'Rocketman' na Rússia

Cena do filme 'Rocketman'
O presidente russo, Vladimir Putin, disse neste sábado (29) que Elton John está enganado sobre os direitos LGBT na Rússia, mas exaltou o cantor britânico como um gênio da música.
Na sexta-feira, Elton John disse estar profundamente incomodado com a declaração de Putin de que os valores liberais estão “obsoletos” e são rejeitados pela maioria dos países ocidentais.
Ele também acusou Putin de hipocrisia por ter dito que deseja a felicidade da população LGBT, após notícias de que cenas gays de “Rocketman”, filme baseado na vida do cantor, foram censuradas na Rússia.
“Tenho muito respeito por ele, ele é um músico genial, todos gostamos de sua música, mas acho que ele está enganado”, disse Putin ao ser questionado sobre as declarações de Elton John em Osaka, onde participa da cúpula do G20.
Putin disse que as autoridades russas têm uma atitude “tranquila e sem preconceitos” em relação à população LGBT, mas que decisões sobre identidade de gênero só podem ser tomadas por adultos, motivo pelo qual os menores de idade devem ser “deixados em paz”.
A legislação russa proíbe exibições de relações LGBT que podem ser consideradas, segundo a lei do país, “propaganda de homossexualidade entre menores”.
Putin disse ainda que embora não negue a atratividade de valores liberais em geral, ele fez uma referência a situações em que tais valores afetam estilos de vida tradicionais.

Lei russa contestada

A lei russa que veta a "propaganda gay", aprovada em 2013, prevê que pessoas que “promoverem relações sexuais não tradicionais" entre menores de 18 anos podem ser multadas em até 5.000 rublos (US$ 85) ou até presas. Já empresas e escolas podem ser multadas em até 500 mil rublos.
Embora o presidente Vladimir Putin afirme que os gays não sofrem nenhum tipo de discriminação no país, relatos de prisões de defensores dos direitos dos homossexuais são comuns.
Para o Tribunal Europeu dos Direitos Humanos, essa lei é discriminatória e encoraja a homofobia, pois viola dois artigos da Convenção Europeia dos Direitos Humanos: o número 10 (que garante a liberdade de expressão) e 14 (que veta qualquer tipo de discriminação).
A homossexualidade deixou de ser crime na Rússia em 1993, mas o preconceito ainda é muito forte. Até 1999, era considerada uma doença mental.

Curta nossa página no Facebook, Instagram e Twitter venha fazer parte da família Lully FM!

TOPO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Curta nossa página no Facebook, Instagram e Twitter venha fazer parte da família Lully FM!