Brasileiro membro do COI diz que Olimpíada de Tóquio vai ser adiada
  • Brasileiro membro do COI diz que Olimpíada de Tóquio vai ser adiada

    Foto: Vicente Seda
    Único brasileiro entre os cem membros do COI (Comitê Olímpico Internacional), o ex-jogador de vôlei Bernard Rajzman, de 62 anos, disse ao Globoesporte.com nesta segunda-feira que os Jogos Olímpicos de Tóquio vão ser adiados. De acordo com o medalhista olímpico de 1984 e membro da entidade desde 2013, não há a menos dúvida que o adiamento da Olimpíada que está marcada para ter início em 24 de julho deste ano irá acontecer.
    - A decisão não está tomada, ela será tomada. Para um bom entendedor... - afirma o membro do COI.
    Bernard falou com o Globoesporte.com por telefone, de casa, no Rio, onde mora. Ele que há praticamente um ano se recupera de uma chicungunha, disse que as dores ainda persistem, mas consegue fazer exercícios. Assim como segue participando das reuniões do COI, por videoconferência.
    - Estou fazendo uma esteira, esteira, não, uma bicicleta ergométrica que está aqui há muitos anos. Mas trancado, eu minha mulher e dois filhos que moram comigo. Melhor todo mundo ficar em casa mesmo. Esperar, ler, escrever, se comunicar e rezar, diz.
    Ele está (ou estava) com viagem para Tóquio prevista para 16 de julho. E conta que ainda não foi cancelada. Uma prova de sua cautela (e do próprio Comitê) em anunciar a mudança de data dos Jogos Olímpicos previstos para o período de 24 de julho a 9 de agosto de 2020.

    Baixe nosso App na Play Store, siga-nos em nossas redes sociais, Facebook, Instagram e Twitter. Venha fazer parte da família Lully FM!

    Fonte Globo Esporte

    Nenhum comentário

    Curta nossa página no Facebook, Instagram e Twitter venha fazer parte da família Lully FM!

    Seguir por E-mail