Circuito de Imola pode voltar a Fórmula 1
  • Circuito de Imola pode voltar a Fórmula 1

    Circuito de Imola
    A administração do autódromo de Imola, na Itália, procurou o automóvel clube local e se ofereceu para sediar corridas da temporada 2020 da Fórmula 1 com portões fechados em meio à pandemia de coronavírus. Responsável pelo circuito, Selvatico Estense disse que poderia abrigar o evento de graça devido à crise econômica vivida pelas equipes da categoria.
    - Esta situação é uma oportunidade para sermos candidatos a um grande prêmio nesta temporada. Eles precisam de algumas corridas para manter o contrato com a FIA e ter um campeonato mundial. Então, por que não pensar em Imola? Obviamente, depende também das regras do governo, se elas nos permitirem fazer uma corrida dessas. É claro que ofereceremos a pista de graça e, depois, falaremos sobre os custos, se possível - disse Estense ao site "Autosport".
    O administrador de Imola admitiu procurar ajuda governamental da região da Emilia Romagna, onde fica o autódromo, e o fato de não haver público no evento ajudaria a reduzir bastante os custos de realização da prova:
    - Podemos pedir ajuda à região. Não estamos na situação em que podemos pagar uma taxa de promoção. É muito mais fácil sem os espectadores, não precisamos cuidar das arquibancadas, não precisamos cuidar de coisas como hospitalidade VIP e assim por diante. Com certeza será mais barato que uma organização completa. As pessoas já estão pensando em realizar jogos de futebol a portões fechados.
    Famoso por causa do acidente fatal de Ayrton Senna, o autódromo de Imola não recebe uma corrida de Fórmula 1 desde 2006, quando Michael Schumacher venceu com a Ferrari. Para Selvatico Estense, o clima para a realização da prova não seria problema.
    - Talvez seja mais fácil organizar uma corrida seguida com Monza, em setembro, a fim de economizar dinheiro ou economizar tempo para as equipes. No ano passado tivemos um clima agradável em outubro e também na primeira quinzena de novembro. Portanto, não temos medo do clima. Acho que as pessoas gostariam de voltar para Imola. É um sonho para nós, mas ainda estamos sonhando! - finalizou.
    No momento, a direção da Fórmula 1 trabalha com o começo da temporada em julho, com a realização de duas corridas na Áustria e duas na Inglaterra. O novo calendário provisório deverá ser divulgado na próxima semana.

    Baixe nosso App na Play Store, siga-nos em nossas redes sociais, Facebook, Instagram e Twitter. Venha fazer parte da família Lully FM!

    Fonte Globo Esporte

    Nenhum comentário

    Curta nossa página no Facebook, Instagram e Twitter venha fazer parte da família Lully FM!

    Seguir por E-mail