Por que os profissionais de e-sports não usam Neymar no FIFA?
  • Por que os profissionais de e-sports não usam Neymar no FIFA?

    Neymar no FIFA 2020
    No último torneio presencial realizado antes da pandemia do Covid-19 paralisar o Global Series, um fato chamou a atenção: a ausência de Neymar dos elencos dos competidores. O atacante brasileiro possui o 3º maior rating base de FIFA 20 e é um dos maiores nomes do futebol nos últimos anos, mas ainda assim está “sumido” do competitivo do game.
    Convocamos alguns dos maiores nomes brasileiros do game para responder o porquê desta situação e, de quebra, falar também sobre Lionel Messi e Gullit nos times mais competitivos.
    Com a palavra Pedro Resende, da Ellevens, Rafael "rafifa13" Fortes, da NSE, Miguel “SpiderKong” Bilhar, da Roma, Stephanie “Teca” Luana, da Future FC, e Henrique "Zezinho" Lempke, do Benfica.
    Por que Neymar não tem sido escalado no competitivo de FIFA 20?
    Para Pedro Resende, “Neymar continua sendo uma ótima opção, mas é mais usado quando estamos em casa, disputando a Weekend League. Já nos presenciais, os ‘Ídolos’ e cards ‘Seleção da Semana’ têm um rendimento maior devido ao meta do game que reina nos eventos”.
    Rafifa aponta algumas características que deixam Neymar para trás: “há outros jogadores que conseguem cumprir as principais características do Neymar, como drible, chute forte com ambas as pernas, velocidade, mas que possuem o atributo 'Força' maior, como Cruyff e Eusébio".
    Zezinho acha que Neymar ter ficado de fora da Seleção do Ano em FIFA 20 foi crucial: “as cartas TOTY deste têm uma vantagem gigante de atributos sobre as outras, portanto é preferível escolhe-las do que cards Ouro ou da Seleção da Semana de Neymar”.
    Já Teca fala sobre as opções de como usar Neymar em campo afetam sua escolha: “os pro players geralmente utilizam o Neymar como um meia, não como ponta. Em campeonatos presenciais, os competidores preferem jogar com outras opções na função, como Cruyff ou mesmo Ronaldo Fenômeno”.

    Baixe nosso App na Play Store, siga-nos em nossas redes sociais, Facebook, Instagram e Twitter. Venha fazer parte da família Lully FM!

    Fonte ESPN Brasil

    Nenhum comentário

    Curta nossa página no Facebook, Instagram e Twitter venha fazer parte da família Lully FM!

    Seguir por E-mail