Relembre o filme "Labirinto'' com David Bowie que ganhará sequência
  • Relembre o filme "Labirinto'' com David Bowie que ganhará sequência

    "Labirinto''
    Talvez um dos clássicos que mais reúne artistas geniais nos cinemas, Labirinto - A Magia Do Tempo vai ganhar uma continuação após mais de 30 anos do lançamento do longa. Esta sequência promete ser uma das retomadas de franquias clássicas mais interessantes dos últimos anos, pois a produção original é um fruto único do seu tempo, mas que permanece atemporal.
    Ao melhor estilo Alice no País das Maravilhas, a trama mostra a ida de Sarah para o mundo do rei dos duendes, Jareth. Ela vai para aquele ambiente fantástico após o errôneo desejo de que o seu pequeno irmão fosse embora; portanto, Jareth o sequestra e o único modo dela resgatá-lo é resolvendo um labirinto em 13 horas.
    O filme ganhou um status cult no decorrer dos anos por diversos motivos, em especial por conta dos envolvidos no projeto. A equipe que está sendo formada para a sequência também gera expectativas para que o legado clássico do longa original continue, principalmente por só vir a tomar corpo tantos anos depois.
    Para celebrar esse grande filme, vamos relembrá-lo e dar mais detalhes sobre a continuação:

    Clássico

    Labirinto - A Magia Do Tempo foi lançado em 1986. Assim como Blade Runner - O Caçador De Andróides - que estreou quatro anos antes - a bilheteria do longa não supriu as expectativas dos produtores na época; afinal, o diretor Jim Henson e o cantor David Bowie já tinham uma carga preciosa em seus nomes.
    No entanto, o filme recebeu mais aclamação com o tempo e, nos dias atuais, passou a ter um efeito nostálgico. Isso sem mencionar os seus produtos derivados, como jogos de tabuleiro e quadrinhos.
    Porém, o que mais tornou Labirinto atemporal foi o modo de abordar a fantasia. Com a coincidência do nome, o projeto, guardadas as devidas proporções, atingiu o mesmo efeito de O Labirinto Do Fauno; a inocência de um mundo mágico flerta com uma abstração mais adulta. No entanto, o filme de Guillermo Del Toro é muito mais dramático e violento, enquanto o caráter de diversão não sai do projeto de Henson e termina por cativar todos os públicos.

    Fantasia

    Labirinto - A Magia Do Tempo conta com muitos efeitos visuais, que se dividem entre os práticos e computadorizados. Cada criatura daquele mundo mágico marca o espectador, de tal forma a estabelecer o filme como um dos longas definitivos de fantasia.
    Além disso, todos esses elementos não-humanos se dividem entre características mais lúdicas, como a cena musical de Magic Dance, e cenas mais densas, como a famoso baile ao som de As The World Falls Down. Essa versatilidade, principalmente para a época que os efeitos digitais não estavam nem perto de ser o que são hoje, torna o tom da produção único.
    E, como os exemplos entregam, o lado musical do longa também é muito importante nas sensações que cada cena passa ao espectador. Não à toa, Bowie também é o responsável pela produção da trilha sonora junto com Trevor Jones.

    Elenco

    E, por falar nele, não há como não definir Labirinto como um dos maiores trabalhos de David Bowie nos cinemas. O saudoso músico é intenso em cada cena do filme e marca a presença não só pelo seu trabalho no som, mas também na interpretação.
    A protagonista é o outro lado da moeda, pois, de certa forma, representa o live-action do projeto com Bowie. A sua intérprete, Jennifer Connelly, não poderia ter feito um trabalho melhor. No decorrer da carreira ela participou de muitas produções de sucesso, como Uma Mente Brilhante, e atualmente continua na ativa; um de seus últimos lançamentos é a série Expresso do Amanhã.
    Contudo, Labirinto ainda segue como um de seus trabalhos mais importantes e, sem dúvidas, é o mais reconhecido no seu início de carreira. Na época, ela tinha 16 anos.

    Bastidores

    Se o elenco já é fantástico, o time de bastidores não fica atrás. Além de Bowie na trilha sonora, o diretor Jim Henson é ninguém menos que o criador dos Muppets; não poderia ser outra pessoa a ocupar tal cargo, especialmente pela sua habilidade com os efeitos visuais.
    O roteiro também foi feito por Terry Jones, a partir do argumento de Henson e Dennis Lee. Jones também não é um nome desconhecido, pois integrava o eterno grupo de comédia Monty Python.
    Para fechar, na produção executiva estava George Lucas, o criador da nada menos que Star Wars. A presença de Lucas é claramente perceptível no resultado final, que tem o objetivo, acima de tudo, de ser um filme divertido.

    Sequência

    De acordo com o Hollywood Reporter, quem deve dirigir a sequência de Labirinto - A Magia Do Tempo é Scott Derrickson, o cineasta responsável por filmes como Doutor Estranho e A Entidade. Ele vem de uma escola de terror, mas é muito versátil em aplicar as suas habilidades visuais em outros projetos, como é o caso do próprio longa da Marvel.
    O roteiro fica a cargo de Maggie Levin. Ela já dirigiu o episódio My Valentine, da série de terror Into the Dark, e capítulos da comédia sci-fi Miss 2059; assim como Derrickson, fica claro que Levin sabe migrar entre vários gêneros e com visuais marcantes.
    A produção da sequência terá a presença de Lisa e Brian Henson, ambos filhos de Jim. Isso prova que, qualquer que seja o caminho seguido pela sequência, a grande visão do diretor do primeiro longa deve ser honrada, até porque Brian viu isso de perto; ele emprestou a voz ao personagem Hoggle no filme de 1986.

    Baixe nosso App na Play Store, siga-nos em nossas redes sociais, Facebook, Instagram e Twitter. Venha fazer parte da família Lully FM!

    Fonte Cineclick

    Nenhum comentário

    Curta nossa página no Facebook, Instagram e Twitter venha fazer parte da família Lully FM!

    Seguir por E-mail