Andreas Kisser publica texto sobre os 40 anos do álbum 'Back in Black' do AC/DC
  • Andreas Kisser publica texto sobre os 40 anos do álbum 'Back in Black' do AC/DC

    Andreas Kisser
    O guitarrista Andreas Kisser, do Sepultura, assina um texto publicado no site "Omelete" sobre "Back in Black", clássico álbum do AC/DC. O lançamento original do disco, em 25 de julho de 1980, completou 40 anos no último sábado (25).
    Kisser cita que "Back in Black" chegou às prateleiras em um "ano que abre uma década que mudou o mundo pra sempre" e menciona alguns fatos históricos daquele período. Em seguida, comenta que já ouvia bandas como Kiss e Queen quando conheceu Led Zeppelin e AC/DC.
    "O Queen veio para o Brasil em 1981, mas minha mãe não deixou eu ir no show. Eu era muito novo e ninguém de casa queria me levar. Em 1983, o Kiss veio pra fazer shows pelo país e em São Paulo eu fui. Mudou a minha vida. Lembro que antes de o Kiss entrar, enquanto a galera entrava no estádio só rolava AC/DC nas caixas. Eram os álbuns Back in Black e o For Those About to Rock, os mais recentes da banda. Ouvindo o Back in Black agora enquanto escrevo este texto me leva de volta àquele momento tão especial na minha vida, tudo muito excitante e novo, que época boa", afirmou.
    Em seguida, o guitarrista descreve "Back in Black" como "um disco refinado, muito bem produzido e que soa como se fosse feito ontem". "Hells Bells" é definida como "lenta e muito densa, quase como um 'Bolero' de Ravel", enquanto "You Shook Me All Night Long", segundo ele, "mostra um novo AC/DC, mais 'pop' com mais possibilidades de tocar nas rádios e conquistar um público que até então não se importava com o AC/DC".

    Baixe nosso App na Play Store, siga-nos em nossas redes sociais, Facebook, Instagram e Twitter. Venha fazer parte da família Lully FM!

    Fonte Whiplash

    Nenhum comentário

    Curta nossa página no Facebook, Instagram e Twitter venha fazer parte da família Lully FM!

    Seguir por E-mail