Xerife confirma morte de Naya Rivera e reitera que não há indicações de crime ou suicídio
  • Xerife confirma morte de Naya Rivera e reitera que não há indicações de crime ou suicídio

    Naya Rivera
    Nesta segunda-feira (13) o xerife do condado de Ventura (Califórnia) concedeu uma coletiva de imprensa para esclarecer informações sobre a morte de Naya Rivera. O corpo foi achado nesta terça-feira após dias de intensa busca, desde 08/07, quando o incidente aconteceu.
    A polícia encontrou o corpo já que, com o tempo, ele boiou por conta dos gazes liberados pela decomposição. Antes disso, é muito provável que eles tenham vasculhado a área várias vezes e nada encontrado, mas ela devia estar preso em baixo de lodo e vegetação no fundo. A visibilidade das águas era muito baixa, como havia informado.
    Não dá pra informar com toda certeza que seja mesmo o corpo de Naya Rivera antes da autópsia, mas eles acreditam que sim. As características físicas batem com ela e, além disso, não há registro de outro incidente no mesmo local em um período condizente com o estado encontrado.

    Sem suspeitas de crime e suicídio

    Os detetives não encontraram suspeitas de suicídio nem de crime. O afogamento é a principal hipótese. O incidente é resumido quando ela se dirigiu ao Lago Piru com o filho de 4 anos e alugou um barco. Eles, então, deixaram o deck por volta de 1 da tarde em direção a área norte do lago. A primeira suspeita foi quando um dos agentes de aluguel do barco percebeu que o tempo combinado já havia passado, iniciando ele mesmo a busca.
    Quando encontrado, o barco estava à deriva e o filho de Naya estava sozinho, dormindo. O garoto usava um colete salva vidas e estava enrolado em uma toalha. Um colete salva vidas de adulto foi encontrado dentro do barco. Eles ficaram sabendo, através de uma conversa com o filho dela, que os dois nadaram no lago juntos em um determinado momento. O garoto descreve que ele foi colocado de volta ao barco pela mãe – um ato heróico em seus últimos momentos de vida.
    Diversas testemunhas estavam no lago naquele dia e foram interrogadas. Haviam três outros barcos no lago no momento e todas as pessoas em todos os barcos foram identificadas e entrevistadas. Eles viram o barco de Naya diversas vezes e em diversas localidades ao longo do dia. Os depoimentos foram de grande ajuda.
    A família esteve no lago todos os dias desde o incidente. Há registros de uma chamada de vídeo de Naya com a família pouco antes do acontecido, o que ajudou a identificar o local.



    Naya Rivera

    Naya Rivera morreu aos 33 anos. Ela ficou famosa por interpretar a personagem Santana, de Glee, série que foi um fenômeno entre 2009 e 2015. Seus últimos trabalhos foram no filme “Mad Families“, de 2017, e na série “Step Up: High Water” (2018), disponível no YouTube Red.

    Baixe nosso App na Play Store, siga-nos em nossas redes sociais, Facebook, Instagram e Twitter. Venha fazer parte da família Lully FM!

    Fonte Popline

    Nenhum comentário

    Curta nossa página no Facebook, Instagram e Twitter venha fazer parte da família Lully FM!

    Seguir por E-mail