• Paul McCartney volta a ter álbum no topo das paradas 31 anos depois

    Paul McCartney
    Depois de 31 anos, Paul McCartney voltou a emplacar um álbum no topo da parada britânica. "McCartney III", gravado sozinho pelo ex-Beatle durante o período de isolamento social, conseguiu um feito que nenhum trabalho dele desde "Flowers In The Dirty" (1989) havia conseguido. Mais importante, a marca foi alcançada na semana do natal, tradicionalmente uma das mais competitivas do ano.
    Este é o oitavo disco do lendário músico (incluindo os gravados com os Wings ou ao lado de Linda McCartney) a chegar ao primeiro lugar, e o segundo da, agora, trilogia. "McCartney" (1970), a estreia dele sem a banda que o consagrou, ficou no segundo posto. Já "McCartney II" de 1980, passou duas semanas no topo.
    Macca pode ter demorado a voltar ao número 1 por conta própria, mas ele não ficou todo esse tempo longe do posto mais alto do ranking. Ao lado dos Beatles, ele chegou lá nestas três décadas em algumas ocasiões, como com o volume dois da série "Anthology" (1996), a compilação "1" (2000) ou o relançamento de 50 anos de "Abbey Road" de 2019.
    O top 40 teve ainda duas outras novidades. A reedição de luxo de "Music To Be Murdered By" de Eminem, com 16 novas faixas, fez o trabalho retornar ao sétimo lugar. O ao vivo "Another Time Another Town" da banda noventista Shed Seven no 31° posto foi a outra.

    O top 10 ficou assim:

    1 - "McCartney III" - Paul McCartney (estreia)
    2 - "evermore" - Taylor Swift (caiu uma posição)
    3 - "Together At Christmas" - Michael Ball & Alfie Boe (mesma posição)
    4 - "Classic Diamonds" - Neil Diamond (caiu duas posições)
    5 - "Christmas" - Michael Bublé (caiu uma posição)
    6 - "Music Played By Humans" - Gary Barlow (subiu uma posição)
    7 - "Music To be Murdered By" - Eminem (retorno à parada)
    8 - "Confetti" - Little Mix (subiu uma posição)
    9 - "Johnny Cash and the RPO" - Johnny Cash (caiu uma posição)
    10 - "Believe" - Andrea Bocelli (caiu cinco posições)

    Baixe nosso App na Play Store, siga-nos em nossas redes sociais, Facebook, Instagram e Twitter. Venha fazer parte da família Lully FM!

    Fonte Vagalume

    Nenhum comentário

    Curta nossa página no Facebook, Instagram e Twitter venha fazer parte da família Lully FM!