• Colaborador de Britney Spears diz que cantora é tratada como uma 'criança sem direitos’

    Britney Spears
    Um colaborador de longa data de Britney Spears afirmou que a estrela pop é tratada "como uma criança sem direitos".
    A cantora do sucesso 'Gimme More' trabalhou com Claude Kelly em seu álbum ‘Circus’, de 2008, o mesmo ano em que ela foi colocada sob tutela - que viu seu pai Jamie Spears e, na época, o advogado Andrew Wallet assumirem o controle de sua vida pessoal e profissional - após seu colapso mental.
    Claude relembrou ao jornal ‘The Sun’: “O estúdio em que trabalhamos tem cercas muito altas e eles estavam escalando as cercas e abrindo buracos na tela para tirar fotos dela. Foi literalmente um caos. E ela era realmente muito quieta, muito tímida e reservada. O que descobri foi que claramente ela foi maltratada e aproveitada o suficiente que ela tinha uma enorme parede erguida".
    E Claude sentiu que, apesar do caos ao seu redor, Britney era "incrivelmente profissional" e focada em seu trabalho.
    Ele acrescentou: “Mas o que mais me lembro é que para alguém que foi pintada como descompensada, uma bagunça, trágica e desleixada, ela era incrivelmente profissional. Assim como uma dançarina profissional, quando se trata de arte, ela é uma máquina. É tudo ao redor dela que é insano."
    Claude está preocupado com o fato de Britney - que tem os filhos Sean, 15, e Jayden, 14, com o ex-marido Kevin Federline - ainda estar sob tutela tantos anos depois, já que isso lança questões e implicações de direitos humanos mais amplas.
    Ele explicou: "Ela tem 39 anos e já faz isso há muito tempo, não faz sentido que ela esteja sendo tratada como uma criança sem direitos. A coisa toda levanta uma questão maior de direitos humanos e não faz sentido retirar o direito das pessoas de viverem da maneira que querem. Há centenas de outras celebridades que passaram por momentos muito difíceis, como colapsos públicos, divórcios públicos ou constrangimentos, e não precisaram perder todos os seus direitos. Se for esse o caso, então todos devemos estar preocupados porque todos nós vamos estragar tudo, falhar e cometer erros”.

    Baixe nosso App na Play Store, siga-nos em nossas redes sociais, Facebook, Instagram e Twitter. Venha fazer parte da família Lully FM!

    Nenhum comentário

    Curta nossa página no Facebook, Instagram e Twitter venha fazer parte da família Lully FM!