Flamengo vence o Inter e fica a uma vitória do bicampeonato

Flamengo vence o Inter e fica a uma vitória do bicampeonato

Em partida dura, tensa e equlibrada, o Inter foi superado pelo Flamengo, no Maracanã, por 2 a 1, e agora não depende mais de si para ser campeão brasileiro. Na segunda colocação, o Colorado precisa vencer o Corinthians e torcer para que o Rubro-Negro não triunfe sobre o São Paulo na última rodada, na quinta-feira, às 21h30min.
A equipe de Abel Braga fez um jogo de aplicação tática e entrega no Rio de Janeiro. Aos 9 minutos, Edenilson abriu o placar de pênalti, com o Inter melhor no jogo e sem levar sustos. Os cariocas empataram com Arracaeta, aos 28, com lance individual de Bruno Henrique.
Na volta do intervalo, em uma lance infeliz, Rodinei foi expulso - com auxílio do VAR - após pisão em Filipe Luís, logo no começo da segunda etapa. Mesmo com um a menos, o Colorado era quem dominava. No entanto, na qualidade de seu ataque, o Flamengo marcou o segundo com Gabriel Barbosa depois de linda assistência de Arrascaeta.
O final do jogo foi eletrizante. Com o Inter indo para cima, tentando a virada, mas parando no cansaço. 

Equilíbrio na primeira etapa

Focado, o Inter fez um primeiro tempo de aplicação tática e muita qualidade na transição entre o ataque e a defesa no Maracanã. Sem dar espaços para o Flamengo, o Colorado buscava explorar a velocidade de seu ataque. Aos 5 minutos, Edenilson lançou Yuri Alberto e obrigou o goleiro Hugo a deixar a meta para cortar.
A postura da equipe de Abel Braga logo surtiu efeito. Aos 9 minutos, Gustavo Henrique puxou a camisa de Yuri Alberto dentro da área e Raphael Klaus marcou a penalidade. Na cobrança, Edenilson bateu com perfeição e converteu. O gol deixou a equipe colorada confortável na partida. Na sequência, aos 13 minutos, quase Yuri Alberto ampliou. O atacante recebeu na entrada da área e finalizou para fora.
Na base da qualidade de seus atletas, o Flamengo começou a construir lances de perigo. Aos 20, Bruno Henrique fez jogada indiviudal e mandou nas mãos de Lomba. O empate rubro-negro chegou aos 28 minutos, de novo com o atacante, que passou por Rodinei e cruzou para Arrascaeta empurrar para as redes.
O Colorado sentiu o gol e cedeu mais espaços para os cariocas. Aos 30, Lomba abandonou a meta para agarrar firme e impedir Gabriel de marcar. Na sequência, Arrascaeta serviu Bruno Henrique dentro da área, mas o atacante não conseguiu desviar para gol. A resposta do Inter chegou aos 42 minutos, com Rodinei. Após lance de Caio Vidal pela ponta direita, o lateral pegou a sobra e finalizou na trave de Hugo, assuntando os flamenguistas. 

Expulsão polêmica e virada flamenguista

Logo no começo da segunda etapa, Rodinei acabou pisando no calcanhar de Filipe Luís em lance no meio de campo. O árbitro Raphael Klaus foi até o VAR, analisou o lance e expulsou o lateral-direito colorado. Abel colocou Heitor no lugar de Praxedes para ocupar o espaço e Ceni arriscou com Pedro no lugar do lateral Isla.

Veja os gols:



Mesmo com um a menos, o Inter foi quem quase marcou. Aos 11, em grande lance, Patrick passou por três marcadores e rolou para Caio. O atacante finalizou em cima de Filipe Luís. Pela vantagem númerica, Ceni promoveu outras duas mudanças no time, tirando Rodrigo Caio e Diego e colocando João Gomes e Natan. As mexidas deixaram o Flamengo bagunçado em campo.
No entanto, na qualidade do time, saiu o segundo gol dos donos da casa. Gabriel Barbosa puxou o contragolpe, rolou para Arrascaeta. O meia fez lindo passe para o atacante, que desviou na saída de Lomba. Depois de passar na frente no placar, o Flamengo retomou sua formação inicial, mas não controlava a partida.
Aos 27 minutos, Edenilson e Patrick trocaram passes na entrada da área. A bola chegou até Moisés, o lateral cruzou em cima de João Gomes. O jogo ficou eletrizante. Com o Inter precisando do empate para seguir na liderança e o Flamengo tentando manter a vantagem.
Com essas posturas, o jogo ficou truncado no meio de campo até os 45 minutos. Aos 48 minutos, Pedro marcou o terceiro gol, mas o VAR deu falta no começo da jogada. Aos 49, Bruno Henrique perdeu uma chance na cara de Lomba. 

Baixe nosso App na Play Store, siga-nos em nossas redes sociais, Facebook, Instagram e Twitter. Venha fazer parte da família Lully FM!

Fonte Correio do Povo

Post a Comment

Curta nossa página no Facebook, Instagram e Twitter venha fazer parte da família Lully FM!

Postagem Anterior Próxima Postagem