News

10/recent/ticker-posts

História Emocionante E Milagrosa De Roger Chedid É Contada No livro "Meus Últimos 45 Dias"

Divulgação
O ex- multiatleta sofreu um acidente e ficou 17 anos com o pescoço quebrado

O livro "Meus Últimos 45 Dias- O Que Você Faria Se Estivesse em Meu Lugar?", de Roger Chedid, surpreende o leitor do início ao fim . Nele, o ex-multiatleta conta sua emocionante e milagrosa história.
Roger também relata as reflexões que fez nos 45 dias que antecederam uma cirurgia de altíssimo risco a que teve de ser submetido e que poderiam ter sido os últimos da sua vida.
Em 1995, Roger estava empenhado em introduzir no Brasil o kempô havaiano, uma arte marcial com a qual tinha entrado em contato quando viveu nos Estados Unidos. Durante uma demonstração dessa luta no Centro de Treinamento do São Paulo Futebol Clube, um dos lutadores escorregou no gramado molhado e caiu sobre a cabeça de Roger. Com dores no pescoço, ele foi levado para o departamento médico do clube, mas como as dores cederam, fez pouco caso do acidente e não foi para o hospital.
Mal sabia que, a partir daquele momento, ele conviveria por 17 anos com um problema de uma dimensão inimaginável: seu pescoço estava quebrado.
Somente em 2012, um médico, recomendado por um de seus amigos, ao analisar seus exames, revelou-lhe surpreso com sua verdadeira situação e a urgência de se realizar uma cirurgia longa e delicada na qual poderia ficar parcialmente curado, tetraplégico ou morrer.
“Em retrospectiva, posso dizer que todos os problemas que enfrentei na vida somente me fortaleceram. Cresci muito vivendo as agruras desse processo de cura e, por isso, resolvi escrever esse livro na esperança de que, se alguma de minhas vivências escapasse de suas páginas e tocasse o leitor, sua missão teria sido cumprida”, reflete Chedid.
Mais que uma biografia,  "Meus Últimos 45 Dias"   é um diário de descobertas. Ao folheá-lo, o leitor se depara com esses instantâneos de diversas fases de sua trajetória. São ideias, emoções, vontades e atitudes que ilustram o percurso de sua vida.
No final, Chedid deixa claro que a condição humana é a característica que nos une a todos.
“A natureza humana nos proporciona um tesouro de experiências que pode e deve ser compartilhado, visto que nossos caminhos, de um jeito ou de outro, tangenciam aqui e acolá”, ensina Chedid.
 
Sobre o autor:
 
Roger Chedid é um multiatleta. Ganhou reconhecimento internacional quando foi sagrado campeão sul-americano de defesa pessoal e campeão sul-americano de saltos ornamentais. Nos Estados Unidos, foi contratado pela maior empresa de shows aquáticos do mundo para saltar do temido trampolim de 27 metros de altura. Não apenas recebeu os louros da vitória em várias modalidades esportivas, mas também ficou conhecido por ter introduzido o kempô havaiano no Brasil.
Atualmente, é palestrante motivacional e apresentador do Programa Sport Emotion no canal maketv.
“Meus Últimos 45 Dias – O que você faria se estivesse em meu lugar? ” pode ser adquirido nas principais plataformas on-line e nas livrarias Martins Fontes, Loyola, Disal, entre outras.



Baixe nosso App na Play Store, siga-nos em nossas redes sociais, Facebook, Instagram e Twitter. Venha fazer parte da família Lully FM!

Gutemberg Vieira

Postar um comentário

0 Comentários