Raquel Villar fala sobre cenas de sexo à três em "Dom" e a vida na Alemanha

Raquel Villar fala sobre cenas de sexo à três em "Dom" e a vida na Alemanha

Pedro Dom (Gabriel Leone), Viviane (Isabella Santoni) e Jasmin (Raquel Villar) em 'DOM'

Raquel Villar teve o nome procurado no Google milhares de vezes nos últimos dois meses. A curiosidade surgiu após Jasmin roubar a cena na série "DOM", ficção inspirada na vida de Pedro Lomba, que praticou assaltos violentos no Rio de Janeiro dos anos 2000. Na história, a personagem de Raquel se envolve com o protagonista (Gabriel Leone) e vive com ele uma paixão perigosa. As cenas de aventura, romance e desejo despertaram o ship dos fãs, que criaram até miniclipes com cenas dos dois na internet:

— Eu recebo muitas mensagens, vídeos, montagens... Elas vêm com trilha sonora e tudo. É realmente divertida essa repercussão. Acho legal. Enxergo de maneira positiva. Algumas meninas também se identificam com a realidade da Jasmin. Uma me contou que se sentiu empoderada ao ver o cartaz da série com uma garota negra, assim como ela, em destaque. Quando mais nova, eu vivia procurando referências de garotas parecidas comigo. Vivi isso. E hoje é bacana acompanhar as coisas se transformando.

Em um dos momentos mais quentes da série, Raquel surge numa cena de sexo a três com Leone e Isabella Santoni, que interpreta Viviane. A atriz, de 33 anos, conta que tirou de letra o desafio das sequências sensuais:

— Essa preparação não é muito diferente da de uma cena de ação ou de uma despedida. Assim como uma cena de choro requer uma concentração maior no set, a de sexo também exige uma atmosfera de segurança e entendimento do que está acontecendo ali.

Raquel já teve um papel importante também em "Amor à vida", novela da Globo. Inaiá era uma enfermeira que, ao longo da trama, descobria o diagnóstico positivo para o HIV. Apesar desta e de outras participações na televisão, o teatro e o cinema é que têm ocupado grande parte de sua agenda. Atualmente, a atriz, que mora na Alemanha, está no filme berlinense "Fear 4 vier" (foto abaixo):

—  Estou aqui desde 2014. Decidir viver aqui depois de uma história meio clichê de quem visita Berlim. De primeira, vim para passear. Aí me encantei, vi que tinha oportunidade de trabalho... Como nunca havia saído do Brasil, quis ficar e me reinventar também artisticamente. Aqui na Alemanha eu consigo trabalhar e me sinto mais segura. A pandemia fez a gente diminuir o ritmo, sim, só que consegui entrar em um filme austríaco ("Cicles", sobre depressão e ansiedade) e no "Fear 4 Vier". A produção fala dos medos que a pandemia trouxe: o da proximidade, o de sair de casa, as paranoias que não têm nome... A história é baseada numa das obras de Friedrich Schiller (dramaturgo e poeta alemão).

Está previsto que Raquel retorne ao país para gravar a segunda temporada de "Dom". Ela, no entanto, ainda não assinou o contrato:

— De 2019 para 2020, estive no Brasil para fazer uma peça para Aquela Companhia. Dentro desse processo, apareceu "Dom" e fui ficando. Então, acredito que vá voltar tentando encaixar alguns trabalhos, mas ainda é incerto.

Baixe nosso App na Play Store, siga-nos em nossas redes sociais, Facebook, Instagram e Twitter. Venha fazer parte da família Lully FM! 

Fonte Patrícia Kogut/Jornal O Globo

Post a Comment

Curta nossa página no Facebook, Instagram e Twitter venha fazer parte da família Lully FM!

Postagem Anterior Próxima Postagem