Saiba detalhes do estreante de hoje nos cinemas "L.O.C.A."

Saiba detalhes do estreante de hoje nos cinemas "L.O.C.A."

Divulgação

Neste domingo, dia 15, estreia o filme 
L.O.C.A. - Liga das Obsessivas Compulsivas por Amor no serviço de streaming do Telecine e no canal Telecine Premium, às 22 horas. A produção conta a história de três mulheres diferentes, Manuela, Elena e Rebeca, que são interpretadas por Mariana Ximenes, Debora Lamm e Roberta Rodrigues, mas que vivem situações parecidas: relacionamentos conturbados. As três não aguentam mais serem chamadas de loucas e começam uma história de libertação de relacionamentos tóxicos. Em coletiva de imprensa da qual nossa redação participou, a diretora do filme, Claudia Jouvin, comentou sobre a produção: - A gente viu que tinha caminho para uma história de comédia que poderia dar identificação com outras mulheres. A seguir, saiba tudo sobre o longa!

Debora Lamm contou que o trabalho da arte foi muito importante durante a preparação das cenas: - Quando a gente entra em um set, tudo isso nos ajuda muito no tom que a gente vai dar. Foi muito importante o trabalho da arte, da caracterização, do figurino. Mariana Ximenes também falou sobre o assunto: - - A gente teve uma chance, que é o espaço de ensaio, todos os setores juntos, para entrar em harmonia. Cada figurino ia trazendo tons e referência para cada uma de nós. Foi uma aventura o trabalho.

Mariana Ximenes revelou como foi se aventurar em uma comédia: - Fazer comédia é muito difícil, eu admiro muito quem consegue fazer, para mim é um super desafio. Eu me senti muito acolhida no set e provocada no melhor sentido. Acho que a comédia é uma das coisas mais difíceis a se fazer, é um bálsamo acolhedor para esses tempos tão difíceis. Através do lúdico você pode falar das coisas mais difíceis, Paulo Gustavo dizia isso. Já a atriz Debora Lamm afirmou: - A comédia tem uma função social e política muito forte. Ela é de uma potência de comunicação muito forte, transformadora. É uma arte requintada. Comédia não se ensina.

O filme é marcado por ter cores vibrantes, que destacam todos os personagens. - Cada personagem tinha uma cor. Como é um filme furioso, ele é agravável de ver. Ele tem uma potência, uma força, era importante para equilibrar. O filme inteiro é um equilíbrio, disse Claudia. A produtora Carolina Jabor completou: - É o casamento da arte, figurino e direção. É um ajuste muito fino e a coragem de fazer um filme que sai do realismo passa por um briefing minucioso. É muito vibrante.

- O filme tem um cuidado de fazer vários tipos de pessoas. Você não consegue contar uma história sem ter um contraponto. O importante, para não cair no estereótipo, é mostrar que as pessoas são múltiplas, explicou a diretora.

Sobre a temática dos relacionamentos tóxicos, Mariana afirmou: - Quem nunca ligou para uma amiga ou deu conselho para outra para falar sobre relacionamento? Às vezes a gente precisa dos amigos e de um olhar com distanciamento para ter a consciência de que está vivendo um relacionamento tóxico. Hoje em dia a gente está falando mais sobre isso, a amizade é tudo nesse momento, é como se você conseguisse ver sua relação com outra ótica. No longa, a atriz vive um relacionamento conturbado com o personagem Carlos, interpretado por Fábio Assunção, e depois conhece o personagem de Rafael Zulu.

O ator Luis Miranda, que interpreta Edson, comentou sobre como é fazer parte de uma equipe composta por muitas mulheres: - É um grande orgulho fazer um filme tão feminino, com uma assinatura tão feminina. O cinema deve isso para as mulheres. A comédia tem sido um grande alívio para a sociedade. Estamos vivendo um período de luto muito grande. (...) Para um homem gay, trabalhar com as mulheres é sensibilidade do ouvido, do olhar. Tem essa delicadeza que é uma poesia. O ator Érico Brás, que dá vida ao Jorge, ainda completou: - O comediante geralmente tem um olhar diferente para vida, a gente consegue ver as coisas e traduzir aquilo de uma outra forma. Estar em um set com tantas mulheres foi confortável, a gente está cansado desse mundo de homens, concluiu.

Baixe nosso App na Play Store, siga-nos em nossas redes sociais, Facebook, Instagram e Twitter. Venha fazer parte da família Lully FM!

Fonte Estrelando 

Post a Comment

Curta nossa página no Facebook, Instagram e Twitter venha fazer parte da família Lully FM!

Postagem Anterior Próxima Postagem