Elon Musk ultrapassa Jeff Bezos e se torna pessoa mais rica do mundo

Elon Musk ultrapassa Jeff Bezos e se torna pessoa mais rica do mundo

Divulgação

Elon Musk
 se tornou ontem (27) a terceira pessoa da história a acumular uma fortuna de US$ 200 bilhões, de acordo com a Forbes, ultrapassando o fundador da Amazon e rival espacial Jeff Bezos. Procurado para comentar o assunto pela Forbes, Musk comemorou a vitória.

“Vou enviar uma estátua gigante do número ‘2’ para Jeffrey B., junto com uma medalha de prata”, escreveu Musk em um curto email.

O comentário irônico não é surpresa vindo do excêntrico CEO da Tesla, que no passado usou o Twitter para rotular de forma divertida Bezos de “copiador” duas vezes (ambas as vezes usando emojis). A primeira vez foi em abril de 2019, quando a Amazon anunciou planos de lançar satélites de transmissão de internet e competir com a SpaceX, de Musk; a segunda, em junho de 2020, quando a Amazon adquiriu a empresa de carros autônomos Zoox, concorrente da Tesla.

Nos últimos anos, os dois homens competem em duas áreas: patrimônios líquidos e ambições espaciais. Musk tinha fortuna avaliada em US$ 24,6 bilhões em março de 2020, quase US$ 90 bilhões menos que Bezos na época. Em agosto de 2020, o fundador da Amazon se tornou a primeira pessoa a ter um patrimônio de US$ 200 bilhões, após as ações da varejista subirem. Mas uma notável alta de 720% nas ações da Tesla, empresa de veículos elétricos de Musk, em 2020, o ajudou a se recuperar. Musk se tornou a pessoa mais rica do mundo em janeiro de 2021.

A dupla trocou o título várias vezes ao longo deste ano, assim como Bernard Arnault, chefe do conglomerado francês de bens de luxo LVMH. Os três disputaram o topo do ranking de bilionários da Forbes. A partir das 14h00 de hoje, Musk está em primeiro lugar, com um patrimônio estimado em US$ 200,7 bilhões. Bezos é o segundo mais rico, com cerca de US$ 192,5 bilhões. Arnault segue em terceiro lugar, com fortuna de US$ 174 bilhões.

O porta-voz de Bezos não respondeu a perguntas da reportagem.

Na fronteira espacial, Musk e Bezon comandam empresas concorrentes. Bezos fundou a Blue Origin em 2000, enquanto Musk lançou a SpaceX em 2002. Em julho, Bezos voou para o espaço suborbital em um passeio de dez minutos a bordo de uma espaçonave da sua companhia.

À medida que a corrida espacial entre os bilionários esquenta, os dois trocam cada vez mais farpas no Twitter e em discursos.

Em 2019, durante uma palestra, Bezos desafiou as ambições de Musk de colonizar Marte. “Meus amigos que querem se mudar para Marte? Eu digo, ‘Faça-me um favor. Vá viver no topo do Monte Everest por um ano primeiro e veja se você gosta, porque é um jardim paradisíaco em comparação com Marte ‘”, disse ele.

Enquanto isso, as duas empresas espaciais estão envolvidas em uma batalha relacionada aos planos da Nasa de construir um módulo lunar. Em abril, a agência espacial federal dos EUA concedeu um contrato de US$ 2,9 bilhões à SpaceX, rejeitando uma oferta da Blue Origin. Nos meses seguintes, a empresa de Bezos ameaçou levar o caso à Justiça, o que fez Musk publicar tuítes ironizando o design do módulo de aterrissagem da Blue Origin.

No mês passado, a Blue Origin de Bezos cumpriu a ameaça e processou o governo dos EUA por causa do contrato da sonda lunar. Musk respondeu no Twitter às reclamações do fundador da Amazon e disse que a Blue Origin estava gastando muito dinheiro questionando a decisão em vez de fazer “ciência e foguetes de verdade”.

“Se o lobby [e] os advogados pudessem colocá-lo em órbita, Bezos estaria em Plutão [agora]”, escreveu Musk.

Depois de a Amazon solicitar que a Comissão Federal de Comunicações (Federal Communications Commission, FCC na sigla em inglês) rejeitasse uma modificação da SpaceX em seu plano de satélite Starlink, a empresa de Musk respondeu ao órgão, no início deste mês, que a Amazon estava tentando “desacelerar a competição”.

Musk comentou o episódio no Twitter e foi sarcástico: “Acontece que Besos (sic) se aposentou para buscar um emprego em tempo integral processando a SpaceX”.

Ainda assim, a rivalidade permitu breves demonstrações de espírito esportivo. Antes do vôo espacial de Bezos em julho, Musk acessou o Twitter para desejar boa sorte a ele e à tripulação da Blue Origin.

Duas semanas atrás, o fundador da Amazon parabenizou Musk e a SpaceX pelo lançamento bem-sucedido da espaçonave Inspiration4 em um voo de três dias ao redor da órbita da Terra. “Mais um passo em direção a um futuro onde o espaço é acessível a todos nós”, escreveu Bezos. Musk respondeu: “Obrigado".

Baixe nosso App na Play Store, siga-nos em nossas redes sociais, Facebook, Instagram e Twitter. Venha fazer parte da família Lully FM!

Fonte Forbes 

Post a Comment

Curta nossa página no Facebook, Instagram e Twitter venha fazer parte da família Lully FM!

Postagem Anterior Próxima Postagem